vives nas esquinas do meu pensamento

27/12/06

Carta de meu pai à minha mãe

QUARTA-FEIRA




PARA LÊR A CARTA CLIQUE NA IMAGEM E AMPLIE





Há exatos 59 anos atrás, meu pai sentou-se na sua escrivaninha, no Banco onde trabalhava, e escreveu uma carta. Essa carta era pra minha mãe, quatro dias após eles começarem a namorar. O papel - tipo bíblia era usado no Banco, à época, como folha de rascunho. Amarelou-se com o tempo. Eu recebi essa carta das mãos de minha mãe quando completei 21 anos. Até então nunca soube de sua existência. Ao entregar ela disse-me:
- você que gosta de colecionar coisas antiga. guarde. Essa foi uma das coisas mais bonita que seu pai fez pra mim. Tem alguns erros, mas ele me pediu desculpas, pois ao fazê-la estava muito emocionando - ele chorava enquanto escrevia e a ansiedade em entregar-me era tanta que não a corrigiu. Fique pra você.

Meu pai, quando escreveu essa carta, tinha 21 anos completos (fazia aniversário em 21 de maio). Expressa aqui a sua forma de amor. E é tão encantadora que a retirei do quadro , na parede , onde a preservo e trago até aqui. E você pai, tinha razão - só a morte foi capaz de nos separar.

******


O AMOR DE MEU PAI EMBALA OS ÚLTIMOS DIAS DESSE ANO...
QUENTE...
ESPECIALMENTE HOJE,
UM SOL LINDO BRILHA TANTO NO CÉU
QUE DAQUI DE MINHA JANELA, ENQUANTO ESCREVO, VEJO A LUA.

Valeu paizão!!!!
com todo o meu amor

della-porther

1 comentário: