vives nas esquinas do meu pensamento

23/12/06

Desabafo XII


O que o Natal é pra mim


Tive em criança os melhores natais ( dentro da tradição) que alguém pode imaginar. meu pai, sempre foi meu papai noel..sempre criou pra mim uma festa onde a alegria era o mais importante . Mas, a melhor lembrança que guardo do natal é a de meu pai e minha mãe, levando centenas de presentes para os meninos e meninas pobres, da cidade onde passávamos o verão todos os anos. Esse sim era um Natal. A alegria no rosto daquelas crianças espalhadas embaixo do pé do Tamarineiro, abrindo seus presentes...carrinhos, bolas, bonecas....
Mas, não eram os presentes, era a forma como papai e mamãe o faziam...era o dia que eles criavam...foram dias inesquecíveis.Foi aquele o Natal que conheci...via meus pais doarem com extrema alegria horas do seu dia, rodeados de crianças cujo sorriso compensava qualquer sacríficio. E engraçado...nunca perguntei a
meu pai como ele conseguia fazer isso. Nossos recursos eram tão parcos. Mas no Natal, algo mágico acontecia...e era um dia e uma noite fantástica. Isso é hoje apenas parte de minhas memórias. Não
existe mais Natal. Ele se foi junto com meu pai. O aprendizado daqueles dias se foram. Acabou.
No que hoje se transformou o Natal é algo que não acredito. E apesar de saber que estou certa peço desculpas a aqueles a quem essa afirmação poderá magoar.Não desejo Feliz Natal a ninguém, há muito tempo,
porque não creio.
Desejo a todos o que sempre desejo, não só nessa época, mas sempre ...amar...
Com amor, desejo a todos um bom viver,alegria, paz , serenidade, e sobretudo olhar atento, seja lá em que crença for.
Bom Feriado a todos.
Della-Porther.


foto de rui nabais

2 comentários:

  1. Obrigada Della pelos votos francos fortes e sinceros.

    Retruibu-os com uma grande Amizade.

    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Della,

    o meu desejo de um Feliz Natal pleno de alegrias.


    um imenso abraço.

    ResponderEliminar