vives nas esquinas do meu pensamento

06/10/07

Batalha dos Tempos Poema XXIV - Na sua cor


penso em você
como pensa um pintor
diante de sua paleta de cor
se dói meu coração
você é o vermelho
se é no seu corpo que penso
me vem o branco
elemento fogo
é verde minha sede
de lhe ter
numa perspectiva de cor
numa perspectiva linear
você é o azul do meu ar
é ele que está por trás do amarelo sol
causa, princípio assim
sucitamente exposto
sobre meu lençol
num sentido ascencional
enlouqueço
na sombra e na luz
se em você penso.


foto de HenriElske

Sem comentários:

Enviar um comentário