vives nas esquinas do meu pensamento

26/06/08

Desabafos XXVII - Andarilho



Onde posso me refugiar
para sentir mais de perto
os odores do inverno
o peso da gota de chuva
a capacidade do vento levar
uma folha no chão
um rastro na areia
uma raiz partida ?
é nas sombras da natureza
onde escondo meus tristes sentires
a honra ferida
a tristeza recusada
nos caminhos que escolhi
a natureza me acolhe
sou seu andarilho
duelo com a dor e as feridas
restaurando meu viver
num diálogo mágico
nas sombras, para sobreviver.
Foto de grendel

13 comentários:

  1. Belo!
    Como me revejo em muito do que escreves...
    Obrigado por me teres dado oportunidade de te visitar.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Refugia-te em seus sentimentos e emoções, porque neles encontrarás o universo.

    Obrigada pela sua visita ao Poétrica sem Métrica.Também encantou-me o seu.
    Passarei sempre por aqui.

    abraços

    ResponderEliminar
  3. Eu gostei de todas as suas páginas, mas essa especialmente é a que mais me tocou.

    Agradeço trua visita e tenha a certeza que voltarei.

    Beijinhosssssssss

    ResponderEliminar
  4. Que receita para as dores de amar?
    Beijo.

    ResponderEliminar
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  6. Você lá, e eu aqui retribuindo o carinho da tua visita.
    As tuas poesias são lindamente tristes e me lembraram coisas já sentidas e choradas.

    Vou te linkar no Dois Rios.

    Beijo,

    ResponderEliminar
  7. andarilho da natureza: belo!
    que bom vir cá! Abraço!
    :-)

    ResponderEliminar
  8. é desta magia que a sobrevivência se transforma em vivência...

    beijo grande, della

    ResponderEliminar
  9. gostei muito da tua poesia e vou voltar
    xi coração
    maria de são pedro

    ResponderEliminar
  10. A magia da foto na poesia das palavras...gostei!

    ResponderEliminar
  11. somos tão funambulares

    [ tão miudinhos

    de

    nada...



    ~

    ResponderEliminar
  12. Belas palavras que partilhas connosco.

    Beijos

    ResponderEliminar
  13. só eu

    eu é que agradeço a sua visita.
    beijos
    della

    **************
    suzana

    volta sim. o prazer é meu.

    beijos

    della

    ***************
    cláudia

    obrigada a você.

    beijos

    della

    ***************
    mateo

    qual nada! heeheh

    beijos

    della

    ***************
    dois rios

    deixo aqui algumas das tristezas que não carrego nos meus dias.

    beijos e obrigada.

    della

    ****************
    sulmoura

    bom ver-te aqui.

    beijos

    della

    ****************
    pin
    obrigada pela visita

    della

    ****************
    maria de são pedro

    obrigada pelas doces palavras. voltas. será uma alegria.

    beijos

    della

    ****************
    joão

    obrigada mesmo.

    beijos

    della
    ***************
    pi

    pois é...
    beijos

    della

    ***************
    lu

    amigo, obrigada pelo carinho.
    pra ti um beijão

    della

    ***************

    ResponderEliminar